sexta-feira, 22 de fevereiro de 2019

Técnico Especializado / Educador Social R$ 1.200,00 - Vila Missionária, São Paulo - SP

Técnico Especializado / Educador Social R$ 1.200,00 - Vila Missionária, São Paulo - SP
Data de Expiração: 23 fev, 2019

CJ Castelinho
Organização precisa de técnico especializado/educador social para atuar em Vila Missionária em São Paulo.
O profissional irá desenvolver atividades socioeducativas de preparação para o mundo do trabalho denominada ATENDIMENTO AO CLIENTE com as seguintes abordagens: dinâmicas de integração, projeto de vida e orientação profissional, incentivo aos estudos e formas de acesso ao ensino superior, história e evolução do trabalho, ECA, legislação trabalhista, jovem aprendiz, tipos de empresas, técnicas administrativas, modelos de redação comercial, marketing, Excel, Word, internet, confecção de currículos, técnicas de entrevista de emprego, realizar visitas culturais e passeios, participar ativamente da rotina do serviço, acompanhar e orientar os jovens durante as refeições, inclusive etc.
Requisitos: experiência na área sócio assistencial no trabalho com adolescentes de 15 a 18 anos, é desejável nível universitário, um bom domínio da área de informática: pacote Office (Word, Excel, PowerPoint), sistema Linux, internet, mídias sociais; conhecimentos de rotinas e práticas administrativas e atendimento ao cliente.
Espera-se deste profissional: proatividade, criatividade, flexibilidade, discrição, empatia para desenvolver as atividades com grupos heterogêneos, organização, pontualidade, assiduidade.
E, sobretudo, necessário gostar de trabalhar com adolescentes e jovens.
O trabalho é no âmbito da Política da Assistência Social, Garantia de Direitos, Fortalecimento dos Vínculos Familiares e Comunitários; Autonomia e Protagonismo Juvenil, orientar e acompanhar os adolescentes de acordo com a programação e orientação técnica estabelecida – desenvolver atividades socioeducativas com foco na preparação para o mundo do trabalho, participação cidadã e convivência social, atividades internas e externas, elaborar planejamentos e relatórios, participar do trabalho com as famílias, visita domiciliar e outras estabelecidas pelo serviço e constantes na Norma técnica dos Serviços Socioassistencias da Proteção Básica da Assistência Social.
Carga horária: 20 horas semanais (de segunda a sexta-feira, das 13 às 17 horas).
Salário: +/- R$ 1.200,00.
A organização oferece refeição no local e vale transporte.
Tipo de contrato: CLT.
Os candidatos podem enviar currículo ao e-mail: comunicacj@centrocastelinho.org.br



Nenhum comentário:

Postar um comentário