quarta-feira, 14 de agosto de 2019

Assistentes Social, Psicólogo e Pedagogo R$ 3.010,37 - Jardim Ângela, zona sul de São Paulo - SP

Assistentes Social, Psicólogo e Pedagogo R$ 3.010,37 - Jardim Ângela, zona sul de São Paulo - SP
Data de Expiração: 19 ago, 2019
Social Bom Jesus

O Social Bom Jesus torna público a realização do processo seletivo para a contratação de Pedagogo para o cargo técnico no Serviço de Assistência Social à Família e Proteção Básica no Domicílio no SASF Jardim Ângela I. Serviço conveniado com a Secretaria Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social de São Paulo (SMADS), tendo a SAS M boi Mirim como supervisão deste Serviço. Somente uma vaga.
Poderão se inscrever no presente processo seletivo, os candidatos que atendam e preencham os requisitos descritos abaixo: escolaridade de nível superior, sendo dois assistentes sociais, um psicólogo e um pedagogo com conhecimento e experiência comprovada na área social e no trabalho com famílias; escolaridade de nível superior – formação em Pedagogia; preferencialmente residir na região do distrito do Jardim Ângela e adjacências; preferencialmente com experiência em programas ou projetos sociais, prioritariamente, no âmbito da Política de Assistência Social.
As habilidades necessária para a vaga disponível são: facilidade de trabalho em equipe; facilidade de comunicação e de relacionamento em grupo; ser flexível, criativo, organizado; bom relacionamento interpessoal, resiliência, busca constante de desenvolvimento pessoal e profissional, motivação. São atribuições do Pedagogo para o cargo de técnico: participar, com o gerente, na elaboração do planejamento semestral e mensal, levando em conta a legislação vigente e as necessidades dos usuários do serviço; elaborar o cronograma de atividades semanais; divulgar na comunidade o funcionamento do serviço como equipamento público da política de assistência social, em conjunto com a equipe e em apoio ao CRAS; executar ações junto às famílias e registrar as informações colhidas em instrumentais apropriados ao serviço; manter e desenvolver articulação com CRAS, CREAS e demais serviços da rede socioassistencial, visando à qualificação dos encaminhamentos dos usuários; responsabilizar-se pela referência e contrarreferência no atendimento aos usuários; realizar acolhida, atendimento individual e grupal, orientações e encaminhamentos a serviços da rede socioassistencial e demais políticas públicas, inclusive para obtenção de documentos, quando necessário; realizar visitas domiciliares para identificar e acompanhar as necessidades de orientação pessoal e familiar; desenvolver reuniões socioeducativas e reuniões de convivência com grupos de famílias; organizar palestras, oficinas e atividades coletivas (eventos) com as famílias e a comunidade; manter prontuários em padrões adequados para análise e consulta dos demais técnicos e supervisor do CRAS, em qualquer tempo; manter controles diários e mensais com informações sobre as atividades desenvolvidas com os usuários e alimentar os sistemas de dados adotados pela SMADS; realizar avaliações sistemáticas das famílias, conforme metodologia de monitoramento e indicadores estabelecidos; identificar e encaminhar ao CRAS as demandas de famílias e indivíduos para o acesso a cadastramento em programas de transferência de renda, outros benefícios socioassistenciais e inserção na rede de proteção social; monitorar e avaliar as atividades/oficinas desenvolvidas no serviço; participar de reuniões de avaliação das atividades para manutenção ou redirecionamento; coordenar e acompanhar as atividades dos orientadores socioeducativos, estabelecendo dinâmica de trabalho e troca de informações sobre procedimentos, programas, projetos, serviços e benefícios governamentais e não governamentais do território; acompanhar as famílias com idosos ou pessoas com deficiência, em situação de agravo, que necessitem proteção social básica no domicílio, tendo como estratégia de ação a elaboração do Plano de Desenvolvimento do Usuário (PDU); atuar sistematicamente junto às famílias que se encontram em descumprimento de condicionalidades dos Programas de Transferência de Renda, monitorando os encaminhamentos para: matrícula e permanência dos filhos na escola e nos serviços socioeducativos; matrícula e permanência dos jovens e adultos nos programas de educação para jovens e adultos; cadastramento em serviços de atenção à saúde – Cadastro Nacional do Usuário/Cartão SUS, manutenção da carteira de vacinação e controle de saúde; inscrição em programas habitacionais; acesso e atualização de documentos de identificação dos membros da família, tais como certidão de nascimento, registro geral, dentre outros; inscrição em programas da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e do Trabalho, Centro de Apoio ao Trabalho; solicitação do Benefício de Prestação Continuada para idosos e pessoas com deficiência; participar de avaliação anual, com o gerente e o CRAS, para indicar as famílias a serem desligadas; participar de processos de capacitação continuada promovidos por SMADS ou pela organização; substituir o gerente do serviço quando designado por este. Carga horária: 40 horas semanais, das 09 às 18 horas. Remuneração: R$ 3.010,37.
A organização oferece vale transporte, almoço no local e regime de CLT.
Os candidatos podem enviar currículo ao e-mail: sasf1@socialbomjesus.org.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário